Arquitetura

Sondagem do solo: o que é, e qual é sua importância

Um projeto de construção legalizado, bem executado e seguro necessita de um grupo de projetos: arquitetônico, hidrossanitário, elétrico, PPCI, e o estrutural. Esse último se refere ao dimensionamento das estruturas (lajes, vigas, pilares e fundações) que irão sustentar a edificação, de suma importância para garantir a durabilidade, economia e segurança da obra. Mas para que seja feito um projeto estrutural de qualidade, é necessário que se faça antes uma sondagem do solo.

 

O que é sondagem?

Esse procedimento consiste em uma coleta de informações do solo para determinar certas características do terreno, como: profundidade, resistência ao receber carga e a existência de possíveis lençóis freáticos.
Com base nesse levantamento, é definido o melhor tipo de fundação para aquele local (sapatas, estacas, radier, etc.). Se o projetista não tiver conhecimento sobre o que existe no subsolo, possivelmente a estrutura terá seu dimensionamento calculado sem precisão e de maneira errada.

 

Minha obra irá precisar de sondagem?

Essa é uma pergunta muito frequente quando se resolve iniciar uma construção, e a resposta é SIM! A sondagem representa uma maior segurança para sua obra, o que por si só já compensaria o investimento. Mas, além disso, ainda proporciona uma grande vantagem econômica, pelo fato de que com uma fundação bem dimensionada, você terá uma estrutura mais leve, um planejamento mais eficiente e, por consequência, não haverá desperdício de material, ocasionando uma grande economia no custo total da obra. E a falta de sondagem implica em fundações mal projetadas podendo causar futuramente gastos consideráveis com reforços.
É possível conversar e obter informações preliminares do solo com os vizinhos no entorno da futura obra, porém o comportamento do solo é imprevisível podendo mudar suas características pouca distância depois. Portanto, a sondagem é obrigatória para economizar e garantir a segurança da sua edificação.

 

Quais tipos de sondagem existem?

Existem 3 tipos principais de sondagem: a trado (mecânico ou normal), SPT e rotativa.

1. A sondagem a trado é o ensaio mais barato em relação aos outros, porém possui algumas limitações. Só pode ser utilizado em solos moles e onde não há presença de água. Desse ensaio são retiradas amostras de solo que podem ser testadas em laboratório.

 

 

 

 

 

 

2. A sondagem pelo método SPT, também conhecida por sondagem à percussão, é a mais utilizada por apresentar maior número de informações do solo, essenciais para definição e dimensionamento das fundações. Desse ensaio resulta um laudo onde são demostradas as camadas e tipos de solo, o valor NSPT que correlacionado indica a resistência nas várias alturas e o nível d’água se houver.

 

 

 

 

 

 

3. Já a sondagem rotativa permite perfurar e retirar amostras de rochas além de alcançar grandes profundidades determinando a extensão da camada rochosa e sua integridade. Seu custo é mais alto em relação aos ensaios mostrados anteriormente. Esse ensaio é geralmente utilizado associado ao SPT, chamado de sondagem mista, onde inicia-se pelo SPT e ao encontrar rocha utilizada a sondagem rotativa para determinar se é apenas blocos de rocha envoltos no solo ou se realmente foi encontrada uma camada firme.

 

 

 

 

 

 

Quanto custa a sondagem?

A sondagem custará, em média, menos que 0,5% do valor total da obra. E normalmente, o valor é cobrado por metro perfurado, mais custos adicionais, como por exemplo mobilização e uso de água, para realizar o estudo.
Esse valor é um investimento na qualidade e segurança das fundações da sua casa, garantindo que o terreno suportará a edificação enquanto ela existir.
É preciso ficar atento na hora de contratar a empresa para a execução do serviço, pois ela e seus responsáveis técnicos precisam estar registrados no Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia, o CREA.

Valorize sua obra, construa com qualidade e segurança!

 

Produce Engenharia Civil

www.produce.com.br

BENTO GONÇALVES

Engenheira Civil Maiane Basso | 54 99913 7862

CAXIAS DO SUL

Engenheira Civil Natiele Pagliarini | 54 99163 3226

FARROUPILHA

Engenheira Civil Viridiana Spinelli | 54 99905 8682

Produce Engenharia

A Produce Engenharia surgiu da união de profissionais do ramo que buscam soluções que tragam inovação, economia e segurança às obras. Aliando a teoria à experiência empírica, oferecemos soluções únicas para cada obra, objetivando o baixo consumo de materiais, e sempre respeitando as normas vigentes.